Cheirinho de Alecrim

(Clique para Ouvir)

Alecrim! Alecrim dourado
Que nasceu no campo
E não foi semeado
(...)

Foi meu amor
Quem me disse assim:
Que a flor do campo
Era o Alecrim



Um cheirinho de alecrim

Há dias em que tem-se a impressão de se estar dentro de um espesso nevoeiro. Tudo parece monótono e difícil, e o coração fica triste. É a noite escura da alma. Era meu aniversário e justamente um destes dias estranhos, quando uma voz interior me disse:

"Você precisa tomar chá de alecrim".

Fui ao jardim e lá estava nosso viçoso pé de alecrim. Interessante é que quase todos que visitam nossos jardins demonstram afeição e respeito pelo alecrim. Confesso que nunca liguei muito para ele. Mas, naquele dia, com toda reverência, colhi alguns ramos, preparei um chá e o servi em uma linda xícara. O aroma era muito agradável e, a cada gole que bebia, senti a mente ir clareando.


Uma sensação de bem-estar e alegria foi se espalhando pelo corpo e senti enorme felicidade no coração. Fiquei muito impressionada com a capacidade dessa planta transmitir alegria.Aliás, o nome alecrim já lembra alegria.

O alecrim - Rosmarinos officinalis, planta nativa da região mediterrânea - foi muito apreciado na Idade Média e no Renascimento, aparecendo em várias fórmulas, inclusive a "Água da Rainha da Hungria", famosa solução rejuvenescedora.

Elizabeth da Hungria recebeu, aos 72 anos, a receita de um anjo (um monge?) quando estava paralítica e sofria de gota. Com o uso do preparado, recobrou a saúde, a beleza e a alegria. O rei da Polônia chegou a pedi-la em casamento!

Madame de Sévigné recomendava água de alecrim contra a tristeza, para recuperar a alegria.

Rudolf Steiner afirmava que o alecrim é, acima de tudo, uma planta calorífera que fortalece o centro vital e age em todo o organismo.

Além disso, equilibra a temperatura do sangue e, através dele, de todo o corpo. Por isso é recomendado contra anemia, menstruação insuficiente e problemas de irrigação sangüínea. Também atua no fígado. E uma melhor irrigação dos órgãos estimula o metabolismo. Um ex-viciado em drogas revelou que tivera uma visão de Jesus que o tornou capaz de livrar-se do vício. Jesus lhe sugeria que tomasse chá de alecrim para regenerar e limpar as células do corpo, pois o alecrim continha todas as cores do arco-íris. O alecrim é digestivo e sudorífero.

Ajuda a assimilação do açúcar (no diabetes) e é indicado para recompor o sistema nervoso após uma longa atividade intelectual.

É recomendado para a queda de cabelo, caspa, cuidados com a pele, lesões e queimaduras; para curar resfriados e bronquites, para cansaço mental e estafa; ainda para perda de memória, aumentando a capacidade de aprendizado.



Existe uma graciosa lenda a respeito do alecrim:

Quando Maria fugiu para o Egito, levando no colo o menino Jesus, as flores do caminho iam se abrindo à medida que a sagrada família passava por elas.

O lilás ergueu seus galhos orgulhosos e emplumados, o lírio abriu seu cálice.

O alecrim, sem pétalas nem beleza, entristeceu lamentando não poder agradar o menino.

Cansada, Maria parou à beira do rio e, enquanto a criança dormia, lavou suas roupinhas.

Em seguida, olhou a seu redor, procurando um lugar para estendê-las.

"O lírio quebrará sob o peso, e o lilás é alto demais".

Colocou-as então sobre o alecrim e ele suspirou de alegria, agradeceu de coração a nova oportunidade e as sustentou ao sol durante toda a manhã.

"Obrigada, gentil alecrim" - disse Maria - "Daqui por diante ostentarás flores azuis para recordarem o manto azul que estou usando. E não apenas flores te dou em agradecimento, mas todos os galhos que sustentaram as roupas do pequeno Jesus serão aromáticos. Eu abençôo folha, caule e flor, que a partir deste instante terão aroma de santidade e emanarão alegria."

Texto: Lucia Helena dos Santos

10 comentários:

Madalena Barranco disse...

Olá Denise, seu blog por aqui também é muito bonito! O alecrim é mágico e seu poeminha verseja-lhe a forma de vida. Beijos.

ROSÁCEA disse...

Denise querida

Seu blog está lindo!!
Adorei esse texto sobre o Alecrim. O nOme científico em já conhecia pois me chamo Rosmari e a raiz vem daí.
Amei , amei.

beijos

Fernanda disse...

Olá Denise,
que texto tão interessante sobre o alecrim!No ano passado fiz um cantinho aromático no meu jardim e plantei um alecrim. Adoro passar as mãos nele e aspirar o aroma, tb utilizo na comida, sobretudo nos assados, mas ignorava que fosse tão benéfico. Aliás, como estou constipada vou fazer um chá de alecrim. Depois digo se resulta ;)!
Boa semana!
Bjos

Anônimo disse...

OI Denise, eu amo alecrim. Uso pra temperar peixes e carnes em geral.
Seu aroma invade as narinas e deixa a casa com gostinho de magia.

Parabéns pelo post super informativo.

Adoro seu blog!

beijo da Lucia Oliveira

RAMOSFOREST.ENVIRONMENT disse...

O alecrim é mágico e tem poderes.

luzdeluma disse...

Essa música a minha mãe sempre cantou quando eu era criança e, sabia que o chá de alecrim é muito bom para as dores de cabeça? Além da erva cidreira é um dos chás que mais gosto.
Denise, você e o Marcos, viram o meme que deixei para vocês?
Boa semana! Beijus

Voz do meu Coração disse...

Olá Denise, muito obrigada pele sua passagem pelo meu blog e pelos seus comentários, que me deixam muito feliz.Tal commo você, adoro a primavera, as flores, as cores que me dão muita vontade de viver.
A neve também é bonita mas se o inverno se prolonga para lá da primavera já nos entristece pois as pessoas aqui anseiam pelo sol quentinho e pelas flores. O seu alecrim está muito bonito, fezme lembrar a minha mãe pois desde bem pequena que a ouvia cantar essa canção, gosto muito se visitar o seu blog, aprendo muita coisa lendo os seus artigos.
Denise visite meus blos de poemas e me diga qualquer coisa ok?
http://coimbra.romandie.com
http://molelos.romandie.com

Suelly Marquêz disse...

Boa noite ,Denise,
boa semana pra voce,
e encantada com o tema do post e a sintonia já havia passado aqui em casa, imagina desde sabado voltei a fazer o chá de alecrim,é um verdadeiro refrigerio pra nossa alma e pro nosso organismo, obrigado.
que ótimo que nasceram as flores azuis, uma verdadeira obra do Criador,
depois do post me relaxei com fundo musical,MARAVILHOSO , EU ATÉ HOJE NÃO CONSEGUI COLOCAR MAS É MEU PROJETO, E colocou de proposito não foi?
eu estava mesmo precisando!
obrigado, amiga,
muita Paz!
suelly marquêz
http://aniscomcanela.blogspot.com.

Marcos Santos disse...

E esse foi o post inaugural do "Alecrim"

***Fotografia e Luz*** disse...

Alecrim dourado

Roubei um pouquinho do seu alecrim,
Para meu arco-íris enfeitar,
O canto dos passarinhos não mais teve fim,
Em bandos nele vêem pousar.

Roubei um pouquinho do seu alecrim,
Por ser verdinho e cheirar tão bem,
Também minha mãe me cantava assim,
A canção do alecrim como mais ninguém.

Roubei um pouquinho do seu alecrim,
Para minha alma triste perfumar,
E num vaso esse ramo plantei.

A beleza de sua flor permanece em mim,
Para sempre na memoria a vou guardar,
Alecrim que roubei, a uma amiga que na net encontrei.

Autoria: Dora Coimbra

http://molelos.romandie.com/
http://coimbra.romandie.com/
http://vozdomeucoracao.blogspot.com/

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin

Nosso Planeta em Números

Adorei a Visita - Volte Sempre!
Photobucket

msn spaces tracking